Câmara aprova subvenção à Associação Comunitária de Segurança

por elis — última modificação 13/04/2016 11h50

A entidade que exerce atividades ligadas à área educacional, pois é a mantenedora dos guardas escolares, foi auditada no inicio de 2009 pelo executivo, onde foram constatados vários indícios de irregularidades. Posteriormente, a Câmara Municipal instaurou uma Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI para apurar esses indícios, onde foi constatado um desvio de aproximadamente R$ 72 mil de recursos públicos. Toda essa documentação foi encaminhada ao Ministério Público para providências.

Mesmo diante disso, o repasse foi aprovado para que a situação da entidade seja totalmente resolvida e que não cause problemas sociais para os funcionários, já que o Poder Público é o responsável solidário para o desenvolvimento dessa atividade. Porém, foi estabelecido um prazo, até março de 2012, para que a entidade seja extinta. Nesse período, o Município deverá realizar concurso público para suprir as necessidades de pessoal nas escolas; realização de eleição para a constituição de uma nova diretoria, entre outros procedimentos.