Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Exageros em sons produzidos por veículos é tema de debate na Câmara de Cambé

Exageros em sons produzidos por veículos é tema de debate na Câmara de Cambé

por elis — última modificação 13/04/2016 11h58

O problema foi levado à Tribuna Livre da casa, pelo morador Joaquim Moralez e recebeu a manifestação da maioria dos vereadores.

Todos foram favoráveis que o problema tem sido motivo de muitas reclamações da comunidade e merece uma atenção especial do legislativo, principalmente com relação a uma fiscalização do poder executivo, com aplicação de sanções aos infratores. Apesar de não existir uma lei municipal específica sobre o assunto, a Constituição Federal prevê sérias penalidades aos causadores de tal tipo de poluição.

Segundo especialistas sobre o assunto, “nos dias altamente estressantes em que se vive, o silêncio deve ser compreendido como um direito do cidadão, diferentemente do que vem ocorrendo. A poluição sonora é o mal que atinge os habitantes das cidades, constituída em ruído capaz de produzir incômodo ao bem-estar ou malefícios à saúde, cujo agravamento merece hoje atenção especial dos profissionais do direito. A poluição sonora é simplesmente aquela provocada pelo elevado nível de ruídos em determinado local”. Essa citação é da especialista em Direito Ambiental Anaxágora Alves Machado, de Santa Catarina.

Ela afirma ainda que “é importante esclarecer que a poluição sonora não é, ao contrário do que pode parecer numa primeira análise, um mero problema de desconforto acústico. O ruído passou a constituir atualmente um dos principais problemas ambientais dos grandes centros urbanos e, eminentemente, uma preocupação com a saúde pública. Trata-se de fato comprovado pela ciência médica os malefícios que o barulho causa à saúde. Os ruídos excessivos provocam perturbação da saúde mental. Além do que, poluição sonora ofende o meio ambiente e, consequentemente afeta o interesse difuso e coletivo, à medida em que os níveis excessivos de sons e ruídos causam deterioração na qualidade de vida, na relação entre as pessoas, sobretudo quando acima dos limites suportáveis pelo ouvido humano ou prejudiciais ao repouso noturno e ao sossego público. Os ruídos são responsáveis por inúmeros outros problemas como a redução da capacidade de comunicação e de memorização, perda ou diminuição da audição e do sono, envelhecimento prematuro, distúrbios neurológicos, cardíacos, circulatórios e gástricos. Muitas de suas consequências perniciosas são produzidas inclusive, de modo sorrateiro, sem que a própria vítima se dê conta” , diz, se referindo, é claro, a todos os tipos de sons produzidos em um ambiente urbano.

    



Rádio Legislativa
If your video does not start playing shortly, please ensure that you have JavaScript enabled and the latest version of Adobe Flash Player (http://www.adobe.com/products/flashplayer/) installed.
Audio Player
More…
Pesquisa de Opinião

Qual o melhor veículo de comunicação para você acompanhar as sessões ordinárias AO VIVO?

FACEBOOK
YOUTUBE
TV
RÁDIO
SITE CÂMARA
spinner
Total de votos: 193
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo