Você está aqui: Página Inicial / Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

por Edinelson Alves publicado 27/01/2020 10h30, última modificação 27/01/2020 10h31

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.

O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Prefeito regulamenta lei aprovada pela Câmara que
garante atendimento prioritário aos autistas de Cambé

A lei 2.961/19, de iniciativa do Vereador Leonildo Aparecido Julião (Tokinho), que foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Cambé, em julho do ano passado, acaba de ser regulamentada pelo Prefeito José do Carmo Garcia e garante às pessoas com Transtorno Espectro Autista (TEA), o direito de atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados do município. As pessoas beneficiadas devem procurar a Secretaria de Governo da Prefeitura para obter, gratuitamente, o cartão de identificação, sendo necessário levar laudo médico, documento de identificação, CPF, foto 3X4 e comprovante de residência.
O Vereador Tokinho reconhece que essa é uma conquista de todos: “das mães e do grupo de amigos dos autistas que iniciaram essa luta e nos procuraram, dos demais colegas Vereadores que abraçaram essa causa e aprovaram o nosso projeto por unanimidade e também ao Prefeito José do Carmo Garcia que sancionou essa importante lei que garante direitos às pessoas autistas de nossa cidade”.
A nova lei também determina que os estabelecimentos comerciais, de serviços ou simulares ficarão obrigados a manter em local visível placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do Transtorno Espectro Autista, a exemplo do que já é feito para sinalizar o atendimento preferencial das gestantes, lactantes, mães com crianças de colo e idosos. “Ao permitir a inclusão essa nova lei garante às pessoas autistas o direito básico à cidadania”, comentou Tokinho.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

    



Rádio Legislativa
If your video does not start playing shortly, please ensure that you have JavaScript enabled and the latest version of Adobe Flash Player (http://www.adobe.com/products/flashplayer/) installed.
Audio Player
More…
Pesquisa de Opinião

Qual o melhor veículo de comunicação para você acompanhar as sessões ordinárias AO VIVO?

FACEBOOK
YOUTUBE
TV
RÁDIO
SITE CÂMARA
spinner
Total de votos: 456
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo