Você está aqui: Página Inicial / Vereador Dalto cobra informações sobre os serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Vereador Dalto cobra informações sobre os serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

por Edinelson Alves publicado 05/02/2020 16h34, última modificação 05/02/2020 16h34

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.

Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Vereador Dalto cobra informações sobre os
serviços prestados pela Sanepar e Zona Verde

Na sessão de segunda-feira (3), o Vereador José Luis Dalto encaminhou dois pedidos de informações ao Executivo: o primeiro, sobre a qualidade dos serviços que a concessionária Sanepar tem prestado aos cambeenses; e o segundo, sobre a exploração do estacionamento rotativo pela Epesmel - Escola Profissional e Social do Menor de Londrina. Ele explica que os pedidos de informações à Prefeitura são decorrentes de reclamações que têm recebido dos moradores que cobram a melhorias e transparência em relação aos serviços prestados.
Sobre os serviços da Sanepar, Dalto enviou os seguintes questionamentos para o Executivo:
- O Poder Público Municipal tem acompanhado, constantemente, a prestação de serviços realizados pela concessionária? De que forma?
- Existem relatórios elaborados pelos fiscais do contrato, que comprovem a qualidade dos serviços prestados?
- Em relação ao aumento nos valores de água, relatado por diversos consumidores, mesmo após a constatação da ocorrência de vazamentos, qual a explicação técnica da Sanepar?
- Em várias residências, após a troca dos medidores, constatou-se aumento considerável nas contas de água. Como a Sanepar justifica tal variação, uma vez que os moradores mantêm os mesmos hábitos de consumo?
- Quanto à passagem de ar pelas tubulações e medidores, foi exigida alguma medida pelo Poder público Municipal, a fim de sanar o referido problema? Se a resposta for positiva, detalhar qual a medida adotada.

Questionamentos sobre a Zona Verde

Com relação ao estacionamento rotativo, o Vereador José Luís Dalto encaminhou as seguintes perguntas:
- Quantas pessoas encontram-se, atualmente, contratadas para atuar no estacionamento rotativo de Cambé? Especificar a função e o número de funcionários em cada uma delas.
- Quais os valores arrecadados com o estacionamento rotativo no período compreendido entre Janeiro e Dezembro de 2019?
- Existe previsão de melhorias para o ano de 2020?
- Qual a previsão de investimentos para o ano de 2020? Detalhar valores e tipo de investimento.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

    



Rádio Legislativa
If your video does not start playing shortly, please ensure that you have JavaScript enabled and the latest version of Adobe Flash Player (http://www.adobe.com/products/flashplayer/) installed.
Audio Player
More…
Pesquisa de Opinião

Qual o melhor veículo de comunicação para você acompanhar as sessões ordinárias AO VIVO?

FACEBOOK
YOUTUBE
TV
RÁDIO
SITE CÂMARA
spinner
Total de votos: 456
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo